terça-feira, 17 de agosto de 2010

Sonhador se fere, mas não desiste.


Me deu um desespero ver as coisas sumindo assim, tudo aquilo que eu acreditava ser sólido, foi desaparecendo, bem de frente aos meus olhos. Fiquei pasma. Ouvi o Cazuza cantando: ‘Os meus sonhos foram todos vendidos tão barato que eu nem acredito’, e na hora me idenfiquei, mas então pensei, já que eles foram vendidos tão barato assim, é por que eles não tinham tanto valor como eu acreditava. Então tratei de ir logo em busca de novos sonhos, muito maiores e melhores, e já avisei a mim mesma, pago muito caro pelos que valerem a pena de verdade.

4 comentários:

tamara furlan disse...

sempre vale a pena pagar por aquilo que se quer. e só depende de nós!

adorei <3

jefhcardoso disse...

Rayane, entre o sonho e a realidade eu prefiro a realidade que me permita sonhar. http://jefhcardoso.blogspot.com

Junior disse...

ray, muito lindo! o problema é para quem se vende. se for para alguém q não tem valor, não vai dar valor aos seus sonhos. se for alguém q tem valor, saberá valorizar nossos sonhos.

faz um tempão q não passo por aqui, mas ando muito ocupado. mas gosto muito do seu blog, viu"

=**

-Junior

Jose Ramon Santana Vazquez disse...

...traigo
sangre
de
la
tarde
herida
en
la
mano
y
una
vela
de
mi
corazón
para
invitarte
y
darte
este
alma
que
viene
para
compartir
contigo
tu
bello
blog
con
un
ramillete
de
oro
y
claveles
dentro...


desde mis
HORAS ROTAS
Y AULA DE PAZ


TE SIGO TU BLOG




CON saludos de la luna al
reflejarse en el mar de la
poesía...


AFECTUOSAMENTE
ANOTAçÔES ROMÂNTICAS OU AÑO

ESPERO SEAN DE VUESTRO AGRADO EL POST POETIZADO DE CACHORRO, FANTASMA DE LA OPERA, BLADE RUUNER Y CHOCOLATE.

José
Ramón...

Minha lista de blogs