domingo, 27 de setembro de 2009

Neste dia, nesta noite.


A partir de hoje sem mais desculpas, sem receios, sem desejos ocultos. Jogue teu orgulho fora, como que joga o que não presta no lixo. Eu já me sinto suficientemente sem você, eu tenho passado sede de você. Você me entende? Preciso que você ao menos me olhe dentro dos olhos, como um faminto se satisfaz por um bom tempo com um pão.
Não me trate desta maneira neutra, se você sabe que colori muitos momentos da sua vida de todas as cores possíveis. .
Cansei de lhe pedir, de gritar, de implorar para que devolvesse meu coração, foi inútil.
Eu desisti de tentar me recuperar deste vício que você se tornou pra mim, sempre que tento fingir que não te quero mais, uma nuvem de sentimentos invadem a minha mente.
A partir de hoje eu vou te enlouquecer, e essa noite só vai existir você e eu.

6 comentários:

Jéssica disse...

Adooorei,adoorei,adooorei *-*

Fernando marcello disse...

como ficou lindo *-*

Faby disse...

rá.zínea (:

Junior disse...

o oposto do amor nao eh o odio, eh a indiferença . . .
amei o final! xD

=**

Carina Garcia disse...

Contra a perda de tempo firmada em um orgulho que só leva a um lugar: dor em ambos...
Adorei =)

Fernanda Magalhães disse...

Linda!

Passando rapidão pra te desejar feliz dia das crianças!!

Minha lista de blogs